sexta-feira, 4 de novembro de 2016

GUARABIRA - TERRA DA LUZ - CAPITAL DO BREJO

Resultado de imagem para guarabira
Resultado de imagem para guarabira

GUARABIRA – TERRA DA LUZ - CAPITAL DO BREJO

O nome Guarabira vem do temo tupi Guiraobira que designava o chefe da tribo. O topónimo pode, entre outras interpretações, ser traduzido, por pássaro verde.
Por volta do décimo século, a região foi invadida por povos tupis procedentes da Amazónia, que expulsaram os originais habitantes, falantes de línguas macro-jês, para o interior do continente.
Quando os primeiros exploradores, no século XVI, chegaram à região, esta era habitada pela tribo dos potiguares.
No reinado de Filipe III de Espanha, II de Portugal, Duarte Gomes da Silveira, filho de pais portugueses, Pedro Alves da Silveira e Maria Gomes Bezerra, nascera em Olinda e teve notável influência nas origens de Guarabira. Foi durante o domínio espanhol que ele iniciou perto da Araçagi, a pecuária e os latifúndios.
Relevante foi a ida da vila de Natal para Cupuoba e Quandus, aldeia de índios, do Jesuíta Gaspar de Samperes, no fim das guerras dos potiguares, em 1578, em missão de paz.
O padre viajou a pé para a pacificação potiguar, sem armas, apenas vestido da couraça da fé, transformado os valentes rebeldes selvagens em ovelhas mansas e fiéis.
O jesuíta Gaspar era espanhol.
Tempos após, holandeses garimpeiros, sob as ordens de Elias Herckmans, procuravam minas no Rio Araçagi desta zona, o que ocorreu na segunda metade do seculo XVI, aquando da capitania da Paraíba e fundação do município da Senhora das Neves, em 1585, o que viria a ser a cidade de João Pessoa.
Em 1592, Feliciano Coelho de Carvalho, governador da capitania, com a colaboração dos tabajaras, conseguiu, diversas vezes, travar combates vencedores, com índios potiguares e seus aliados franceses, que se localizavam na Serra da Copaoba, actual Serra da Raiz. Período, em que mercê dos seus trabalhos, Duarte Gomes recebeu o título de capitão-mor da Serra de Cupaoba.
A fundação de Guarabira teve lugar em 1694, em terras do engenho Morgado, pertencentes a Duarte Gomes Teixeira. As primeiras residências edificadas, mais tarde, deram origem à Vila da Independência, primeiro topónimo da cidade de Guarabira, que em virtude da sua localização e excelência do solo, tornou-se de enorme prestígio e influência nas suas redondezas.
Em 1 de Novembro de 1755, com o conhecido e transcendente terramoto de Lisboa, José Rodrigues Gonçalves da Costa, tomado de pânico fugiu da Póvoa de Varzim, no norte, perto da cidade do Porto, sua terra.
Aportou em Guarabira com toda a família.
Costa Beiriz, por ser da localidade do mesmo nome, como ficou conhecido, mandou construir uma capela onde colocou, uma imagem da Nossa Senhora da Luz, de que era muito devoto e levara de Portugal.
Esta tornou-se a padroeira do município, embora o padre João Milanez, já tivesse construído a primeira igreja do Município, a capela de Nossa Senhora da Conceição em 1730.
Em 1760 começaram as primeiras orações e novenas à Virgem da Luz.
Sempre atento a pormenores ditados pelas suas pesquisas, Teodósio de Mello, não encontrando mais referências a José Rodrigues Gonçalves da Costa, tomou a liberdade de intuir, que o mesmo teria casa com terras em Lisboa, possivelmente na freguesia de Carnide, ainda bastante rural.
De tudo se pode pressupor que ele estaria algures na freguesia de Carnide, onde a Senhora da Luz, na sua vetusta catedral, já era de enorme tradição, ser muito venerada, quando se deu o terramoto, seguido de marmoto.
Acresce ainda que, o grande terramoto, se deu de Lisboa para o sul e a Póvoa de Varzim é bem no norte de Portugal.

Daniel Costa







5 comentários:

  1. OI DANIEL!
    VERDADEIRAS AULAS DE HISTÓRIA NOS PROPORCIONAS A CADA POST.
    ABRÇS.
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  2. Vim aqui ler mais esta excelente lição de História. Obrigada, Daniel.
    Uma boa semana.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  3. Suas postagem sempre inteligente. Uma aula de História. Bom conhecer um pouco de GUARABIRA.
    Muito bonita as imagens.
    Ótima semana!
    Abraço grande!
    Blog da Smareis

    ResponderEliminar
  4. Suas historias são fantásticas.
    Sabe muito mais que muito Brasileiro aqui, rsrs.
    Guarabira é um município do estado da Paraíba, no Brasil. É uma das cidades mais populosas do estado. Situa-se a 98 quilômetros da capital estadual João Pessoa; a 100 quilômetros de Campina Grande, mais populosa cidade do interior paraibano; a 198 quilômetros de Natal, a capital do Rio Grande do Norte; e a menos de 250 quilômetros do Recife, a capital de Pernambuco.

    Beijos

    ResponderEliminar
  5. Meu querido Daniel
    Hoje decidi vir a este teu blog, onde não vinha "há séculos"... :)))
    Sou uma apaixonada por História, tanto livros como filmes, ou simples textos.
    A tua "lição de História" está muito bem escrita, duma forma leve e atraente, que me encantou.
    Tenho que vir mais vezes... :)

    Continuação de boa semana.
    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderEliminar